Sentimento de Leitor

Juramos solenemente fazer boas recomendações
Setor editorial brasileiro apresenta queda pelo quinto ano consecutivo
Livros

Setor editorial brasileiro apresenta queda pelo quinto ano consecutivo

29 abr 19 2 mins. de leitura
por Mandy Ariani

publicidade

Não é segredo que o ano de 2018 não foi nada fácil para as livrarias, e hoje veremos isso em números. Infelizmente, os mais recentes dados da Pesquisa de Produção e Vendas do Setor Editorial Brasileiro não trouxe resultados animadores. Na verdade, considerando o faturamento total, incluindo as vendas para o Governo, o setor editorial apresentou queda nominal de 0,92%, o que significa um decréscimo real de 4,5% – como diz a análise.

Sobre o estudo:

Os dados da pesquisa dizem respeito a performance do setor editorial e de seus quatro subsetores no ano de 2018. Nesse contexto, o estudo ouviu 202 editoras no Brasil, sendo 185 emparelhadas ao ano anterior, o que representa 68% do setor editorial em termos de faturamento.

© Material de divulgação passível de direitos autorais.

Livros

® Relate qualquer abuso de Uso Indevido de Imagem clicando aqui.

publicidade

A pior atuação esteve nas vendas para o mercado. Assim, excluindo as compras do governo, esse setor teve uma queda alarmante de 10,1%. E, apesar dos dados não pararem por aí, temos que considerar que no ano passado as duas principais redes de livraria – Cultura e Saraiva – sofreram uma crise gigantesca, o que influenciou diretamente nesses resultados também.

O único setor do mercado que obteve um resultado nominal positivo foi o de livros religiosos com um crescimento nominal de 1,1%, que significa um decréscimo real de 2,6%. Em contra partida, como declarado pela pesquisa, o subsetor de Didáticos apresentou queda nominal de 5,6% (9,1% real) e o subsetor Obras Gerais apresentou queda nominal de 3,3% (6,8% real). O subsetor CTP (Científicos, Técnicos e Profissionais) teve o pior resultado, um recuo de 17,33%, que corresponde a um decréscimo de 20,3% em termos reais. No período de 2014-2018, o subsetor acumula uma queda real de 45%.

Tristemente, apesar da Pesquisa de Produção e Vendas se relacionar à 2018, os resultados de 2019 não estão muito melhores. No primeiro trimestre, o faturamento com as vendas reduziu 25% em comparação com o mesmo período de 2018, o que significa 1,2 milhão de livros a menos. Esses dados são do Painel de Vendas de Livros no Brasil.

Comentários

O blog Sentimento de Leitor disponibiliza o espaço do DISQUS para comentários e discussões dos temas apresentados no site, não se responsabilizando por opiniões, comentários e mensagens dos usuários sejam elas de qualquer natureza. Por favor respeite e siga nossas regras para participar. Compartilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas. Leia aqui os Termos de Uso e Responsabilidade .

A estrutura do site, bem como os textos, os gráficos, as imagens, as fotografias, os sons, os vídeos e as demais aplicações informáticas que os compõem são de propriedade do "Sentimento de Leitor" e são protegidas pela legislação brasileira e internacional referente à propriedade intelectual. Qualquer representação, reprodução, adaptação ou exploração parcial ou total dos conteúdos, marcas e serviços propostos pelo site, por qualquer meio que seja, sem autorização prévia, expressa, disponibilizada e escrita do site, é vedada, podendo-se recorrer às medidas cíveis e penais cabíveis. Leia aqui os Termos de Uso e Responsabilidade .

publicidade

quem escreve?

Mandy Ariani

Olá, eu me chamo Mandy! Sou apaixonada por livros, filmes, mangás e Jane Austen. Se você quer ficar por dentro do universo geek e literário, visite a gente!

colaboradores

publicidade

para te inspirar

A vida é uma tempestade, meu amigo. Um dia você está tomando sol e no dia seguinte o mar te lança contra as rochas. O que faz de você um homem é o que você faz quando a tempestade vem.

Alexandre DumasO Conde de Monte Cristo, 1844.

os mais lidos do blog

editoras parceiras

2019

resenhas as mais recentes