Sentimento de Leitor

Juramos solenemente fazer boas recomendações
Imagem da Thumbnail para O Corvo Negro por Lucas de Lucca
Resenhas

O Corvo Negro por Lucas de Lucca

03 dez 18 3 mins. de leitura
por Matheus Paula

publicidade

Título O Corvo Negro
Autor(a) Lucas de Lucca
Editora Flyve Editorial
Páginas 363
Ano 2016
Ukel mora na capital do reino de Gor em um mundo fantástico repleto de magia e armas mundanas em duelo, mas ele é apenas uma criança. Após as guerras arcanas, a cidade onde vive recebe refugiados do norte e a vida do garoto muda ao conhecer Merienir, uma elfa de cabelos prateados refugiada, e Farem, um órfão de Gor.O Corvo Negro mostra a escalada de Ukel no mundo do crime até se tornar um corvo, um caçador de monstros e malfeitores.Traição, sangue e malícia guiam o caminho do jovem em uma trilogia empolgante onde o protagonista não passa de um egoísta sem redenção.

Os livros de Fantasia Nacional, durante os últimos anos, têm ganhado um espaço considerável nas nossas queridas prateleiras. Os autores brasileiros, sem sombra de dúvidas, estão nos surpreendendo com obras extremamente cativantes, e isso só ressalta que esse gênero tende a crescer, cada vez mais, no mercado editorial do Brasil.

O Corvo Negro é definitivamente um exemplo de livro nacional que conquistou o público, sendo uma obra caracterizada como Fantasia e RPG de mesa. Publicado em 2016, essa narrativa tem encantado diversos leitores assíduos por todo o país durante os últimos dois anos. O universo da Trilogia das Plumas nos leva a uma cativante aventura, na qual marcantes personagens nos enchem de experiências um tanto peculiares. O autor, Lucas de Lucca, é editor e fundador da editora Flyve, tendo seu primeiro livro publicado de forma independente.

O livro nos presenteia com a trajetória de Ukel, um garoto humilde que vive com sua mãe em Gor. Tudo estava normal, até que um grupo de refugiados de guerra chega à cidade para ir ao encontro do rei. Nesse cenário, ele conhecerá Farem, um órfão que vive de pequenos furtos, e Merienir, uma elfa que chegou junto com os refugiados. Quando um homem misterioso ataca Merienir, Farem e Ukel salvam a jovem, e a partir desse momento os três se tornam bons amigos e lutam juntos contra as adversidades.

– Não vou ser ladrão.
– Tente me entender, não tenho opção.
– Todos têm opção! – Exclamou Ukel.
–  Mas minha única opção além de roubar é a morte – Retrucou Farem.

Longos oito anos depois, os três companheiros ficam conhecidos como a Milícia de Gor. Eles roubam dois comerciantes da cidade, cobrando-lhes impostos. Contudo, o que eles não sabem é que o Rei não está nada satisfeito com as cobranças abusivas do trio. Por sorte, vendo a habilidade que os amigos tinham para conseguir dinheiro, o Rei fica satisfeito em oferecer uma proposta.

De agora em diante, os parceiros deverão trabalhar para o Rei, mas poderão ficam com uma parte do lucro. Dos três comparsas, dois deles ficaram felizes em aceitar o combinado, mas não Ukel. Ele se tornara um homem ganancioso e egoísta, e via claramente a traição que seus companheiros cometeram.

publicidade

A porta do quarto do rapaz se abriu e atrás dela estava Merienir que notou de imediato o que estava acontecendo há pouco. Ela ficou imóvel olhando pra ele desconcertada, enquanto Ukel se levantou da cadeira, foi até a garota, a abraçou e em seu pé do ouvido disse – Eu te perdoo. – O jovem sorria por detrás do abraço, ele mentia.

As aventuras do trio estão presentes em todos os capítulos. Armas enfeitiçadas, criaturas imprevisíveis, dentre outros, ajudam-nos a adentrar no universo fantástico criado por Lucas de Lucca. Eu gostei do livro como um todo, me agradou bastante a maneira como outros personagens marcantes foram introduzidos no decorrer da trama, isso ajudou a consolidar esse universo encantador.

Se você é o tipo de leitor que é impulsionado por capítulos mais curtos, então a forma que essa narrativa foi escrita vai te agradar. Todavia, o livro não segue a linha de um “ato principal”, ou seja, o livro baseia-se na vida cotidiana dos três protagonistas. Isso deixou, ao meu ver, a leitura cansativa em alguns momentos. Afinal, não havia uma situação maior que os três amigos pudessem desenrolar com um determinado objetivo. Porém, isso não impediu-me de concluir a leitura.

Ukel não faz parte do clássico modelo de personagem herói e perfeito, ele é o tipo de protagonista que traz dúvidas ao leitor acerca de seu verdadeiro caráter. Ele é frio e calculista, mas também sabe ser amoroso e leal. Para mim, tudo isso nos aproxima dele, pois vemos que ele é falho, assim como qualquer um de nós.

Por fim, com certeza irei acompanhar os próximos livros do autor Lucas de Lucca, mal posso esperar para ver os próximos cenários que ele criará. Agora, eu lhe pergunto, querido leitor, teria você a coragem necessária para adentrar no mundo fantástico da Trilogia das Plumas?

Comentários

O blog Sentimento de Leitor disponibiliza o espaço do DISQUS para comentários e discussões dos temas apresentados no site, não se responsabilizando por opiniões, comentários e mensagens dos usuários sejam elas de qualquer natureza. Por favor respeite e siga nossas regras para participar. Compartilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas. Leia aqui os Termos de Uso e Responsabilidade .

A estrutura do site, bem como os textos, os gráficos, as imagens, as fotografias, os sons, os vídeos e as demais aplicações informáticas que os compõem são de propriedade do "Sentimento de Leitor" e são protegidas pela legislação brasileira e internacional referente à propriedade intelectual. Qualquer representação, reprodução, adaptação ou exploração parcial ou total dos conteúdos, marcas e serviços propostos pelo site, por qualquer meio que seja, sem autorização prévia, expressa, disponibilizada e escrita do site, é vedada, podendo-se recorrer às medidas cíveis e penais cabíveis. Leia aqui os Termos de Uso e Responsabilidade .

publicidade

quem escreve?

Mandy Ariani

Olá, eu me chamo Mandy! Sou apaixonada por livros, filmes, mangás e Jane Austen. Se você quer ficar por dentro do universo geek e literário, visite a gente!

colaboradores

publicidade

para te inspirar

Palavras são, na minha nada humilde opinião, nossa inesgotável fonte de magia. Capazes de formar grandes sofrimentos e também de remediá-los.

J. K. RowlingHarry Potter, 1997-2007.

os mais lidos do blog

editoras parceiras

2019

resenhas as mais recentes

Instagram@sentimentodeleitor